Menu de navegação de página

T e x t o s & T e x t u r a s

Vi(-)da

Publicado by on 19, jun, 2017 | 0 comentários

duas sílabas ligeiras |  pelas quais vale a pena morrer | seja como for | mas melhor se for de rir |mais ainda se por amor

Ler mais

Estrelas

Publicado by on 1, out, 2016 | 0 comentários

Amavam-se
A estrela do mar e a estrela ao luar…

Ler mais

Lágrimas

Publicado by on 26, abr, 2016 | 1 comentário

Elas desceram, mansas, precedidas de diáfanas brumas,
mas, definitivamente, não eram de tristeza…

Ler mais

Jerusalém! Jerusalém!

Publicado by on 15, fev, 2016 | 3 comentários

Jerusalém! Jerusalém! Que matas os profetas e apedrejas os que vêm em paz! Quantas vezes desejei aconchegar tuas crianças como ave que abriga toda a ninhada sob a proteção das asas… e não quiseste! (Lc 13.34)

Ler mais

“Deus cuida” ou “Deus comigo”

Publicado by on 20, jul, 2015 | 0 comentários

Ainda que eu ande por vales sombrios/tenebrosos,
não sinto medo: tu vais/estás comigo.
Teu bastão e teu cajado me apascentam.

Ler mais

Poemas sagrados de consolação e alento

Publicado by on 3, jun, 2015 | 3 comentários

(Para o Luciano, em nome da nossa amizade que é imortal, ofereço estes três poemas extraídos do Livro Sagrado. O primeiro é a prece angustiada do sofredor que enfrenta a dor com dignidade inabalável e celebra a vida com as forças que lhe restam. O segundo é uma canção peregrina que retrata a jornada daquele que atravessa áridos desertos e escala escarpados desfiladeiros, rumo às misericórdias de Javé. No terceiro, o Poeta de Nazaré traça, com linhas suaves, a doce fisionomia do bem-aventurado, cujo perfil coincide com o seu rosto sereno, querido Luciano. A trilha musical é, em si, fervorosa oração.)

Ler mais

“Ernesto”

Publicado by on 1, maio, 2015 | 1 comentário

Poema de Jonas Rezende, em “Colarinho de padre”, p. 121
Alocução: Luiz Carlos Ramos (0:56)

 

 

Ler mais

Oração com as mulheres

Publicado by on 7, mar, 2015 | 4 comentários

Deus, que deste à luz o Universo,
geraste em tuas entranhas, apaixonadamente,
tudo o que é, que era, e o que há de vir…

Ler mais

Hortênsias e dormentes

Publicado by on 18, jul, 2013 | 0 comentários

Hortênsias reverentes amparam solenes dormentes…

Ler mais
Página 1 de 3123