Menu de navegação de página

T e x t o s & T e x t u r a s

O Cântico dos cânticos


featured_image4O CÂNTICO DOS CÂNTICOS:
o livro sagrado dos amantes

Autora anônima do séc. V a.C.

Versão para o português: Luiz Carlos Ramos

Advertências

1.     Este livro não é recomendado para pessoas não apaixonadas ou cujo desejo esteja adormecido, a menos que queiram despertá-lo;

2.     Cuidado! Este livro foi escrito por uma mulher, não obstante séculos de patriarcalismo tenham tentado roubar-lhe o mérito. Para se comprovar que não se trata de um texto de Salomão, basta ler os primeiros e os últimos parágrafos;

3.     Conquanto não seja uma tradução literal (pois trata-se, antes, de uma transcriação poética), esta versão continua fiel ao espírito e à intenção do original hebraico;

4.     O moralismo religioso tentou distorcer inescrupulosamente estes Cânticos. As liberdades tomadas nesta versão nem de longe se comparam àqueles abusos;

5.     Caso alguém, seduzido por esses versos, resolva utilizá-los em suas núpcias, ou incluí-los na cerimônia de suas bodas, por favor, faça isso por sua própria conta e risco, lembrando-se sempre de que a sensibilidade poética e o respeito pelo desejo divino-humano não são virtudes muito cultivadas em nossa sociedade;

6.     Uma última advertência, para que ninguém se aventure desavisado: a leitora e o leitor, que desfrutarem os versos deste poema de amor, estarão vulneráveis aos riscos do prazer, porque assim foi com a autora, um dia, e com o tradutor, três mil anos depois.

Luiz Carlos Ramos
De passagem pelo Rio de La Plata
em maio de 2008

Deixe um comentário

%d blogueiros gostam disto: