Menu de navegação de página

T e x t o s & T e x t u r a s

A vida vale mais que o dogma

Publicado by on 1, jun, 2018 | 0 comentários

Jesus deixa claro que a função da lei é trazer benefícios para as pessoas, superando a fome (Marcos 2.23-28) e as deficiências (Marcos 3.1-6)

Ler mais

O dogma mata, mas o poema vivifica

Publicado by on 25, maio, 2018 | 0 comentários

Ah, que lição! Jesus não oferece dogmas, mas poemas. Porque sem poesia não é possível nascer de novo. Sem poesia ninguém tira água viva do poço da eternidade.

Ler mais

A caminho da Páscoa

Publicado by on 16, fev, 2018 | 0 comentários

Oração–jejum–esmolas serão os sinais da nossa reconciliação com Deus, conosco mesmos e com o próximo.

Ler mais

Cinzas

Publicado by on 14, fev, 2018 | 0 comentários

Dizem que “humano” vem de “húmus”, a matéria orgânica depositada no solo, resultante da decomposição de animais e plantas mortas, e de seus subprodutos ou produzida por minhocas. De modo que não parece ser motivo de muito orgulho dizer-se humano.

Ler mais

Transfiguração

Publicado by on 5, fev, 2018 | 0 comentários

Jesus lhes explicou que, ainda que experiências como aquela fossem muito significativas e que parecesse ser tão bom ficar assim, na presença de Deus, havia muito trabalho a fazer. Demosntrou que ele teria que descer da montanha e seguir no caminho da Cruz.

Ler mais

Sala, quarto e cozinha

Publicado by on 29, jan, 2018 | 1 comentário

Como é bom sabermos que temos um Deus que não está restrito aos templos e às sinagogas, mas que nos visita na humildade dos nossos lares.

Ler mais

“Vinde após mim, vos farei pescadores…”

Publicado by on 16, jan, 2018 | 1 comentário

[…] Ele podia não entender muito de pesca, mas sabia tudo sobre “homens” [gente]. E quando se encontra alguém que sabe o ofício de amar a humanidade, só há uma coisa a fazer, deixar tudo e seguí-lo, por onde ele for.

Ler mais

A vocação inesperada

Publicado by on 9, jan, 2018 | 1 comentário

Uma lamparina acesa sempre poderá acender outra lamparina, como uma vela acesa pode tornar a acender uma vela outrora apagada.

Ler mais

Relato desconcertante

Publicado by on 3, jan, 2018 | 0 comentários

O relato é desconcertante. A este Deus, escondido na fragilidade humana, os magos não encontram entre aqueles que vivem instalados no poder ou trancados na segurança religiosa. Deus se revela aos que, guiados por pequenas luzes, buscam incansavelmente uma esperança para o ser humano na ternura e na pobreza da vida.

Ler mais